logo

Voto Dilma 13! E que vença A melhor!

Foram semanas intensas grudada no computador, empenhando todos os meus modestos esforços pelo que considero fundamental: que o Brasil continue avançando em todas as frentes, especialmente nas conquistas sociais que marcaram a última década, com os governos de Lula e Dilma e que estas conquistas se expandam para todos as esferas, contemplando cada vez mais nossos desejos e utopias.

Quando saí do Brasil há 17 anos, nos tempos do tenebroso governo FHC, experimentei a total desimportância do nosso país lá fora. Com o governo Lula, vi a Europa se dobrar respeitosa e reverente à um Brasil forte que cresceu, venceu a fome, pagou a dívida externa e desenvolveu uma política externa nova, independente, subvertendo a correlação internacional de forças. A torcida de tantos estrangeiros que temos visto pelas eleições brasileiras só tem acontecido pq o Brasil ganhou importância para o mundo. Há 4 anos voltei a viver no Brasil, dividindo meu tempo entre os dois países e pude comprovar a importância da expansão e do aprofundamento das mudanças que o Brasil vem trilhando.

A Holanda (assim como os demais países europeus ditos avançados) alcançou sua excelente qualidade de vida ao implementar, há muito tempo, programas sociais que nada mais são do que estes que, apenas agora, vêm sendo implantados no Brasil. O estado holandês é mto presente, garantido todo tipo de subsídio-moradia, subsídio-saúde, bolsa-pobreza, bolsa-escola etc, etc, etc. A oposição raivosa que Dilma tem enfrentado se forjou no medo das classes dominantes de perder privilégios seculares, que só foram possíveis até aqui, por subjugarem os menos favorecidos. É compreensível que estes desejem o retrocesso.

Mas não podem pensar assim os trabalhadores, os estudantes das novas universidades e escolas técnicas criadas por Lula e Dilma e todos aqueles que não são elite, que não são herdeiros, que trabalham para sobreviver. Estes tem que garantir a reeleição de Dilma para que o nosso país avance cada vez mais e cada vez mais pela esquerda, pelos pobres, pelas mulheres, negros, homossexuais, índios, sem-terra, estudantes e juventude periférica em geral.

Foi mto bacana ter participado de todo esse debate (viva a internet livre!) e eu peço desculpas se fui insistente nos posts de campanha. Procurei ser muito ética, entretanto. Não fui nem por uma única vez à pagina de ninguém para rebater posições opostas, como alguns fizeram comigo, mas usei sim a minha página p/dizer o que penso. Tambem jamais compartilhei informações infundadas, sem comprovação e jamais desrespeitei ninguém.

Voto Dilma 13 e confio na vitória amanhã!
Ou, como alguém falou por aí, que vença A melhor!!!!!!
Com muito amor!!!! <3

Comments are closed.